Primeiro preciso agradecer todas as pessoas que deram feedback no decorrer desta semana sobre meu outro post “Fui aprender Inglês”, nunca imaginei que meu testemunho iria atingir tantas pessoas, você não faz ideia quantas pessoas me mandaram mensagens, não foi apenas na página do texto, mas também pelo facebook, twitter, email… Estou muito feliz em saber que pude inspirar ou mudar positivamente conhecidos e desconhecidos.

Quanto gastei com a viagem?

Muitos me perguntaram qual foi o valor detalhado da minha viagem, e preciso dizer que não tenho esse valor exato pelo motivo que fui comprando aos poucos tudo desde o começo dos planos, teve uma grande variação do dólar nesse período e não anotei nada, mas olhando por cima dos extratos, o valor ficou aproximadamente 9 mil reais; passagem de avião, seguro viagem, curso, casa de família, mais uma grana para me manter no mês, lembrando que na casa de família já tinha incluso café da manhã e jantar.

Mas Igor, estou fazendo uns cálculos aqui e está dando bem mais que esse valor que você disse!

Sim, realmente neste momento o dólar comercial está nas alturas (R$ 3,18 reais 30/05/2015) e nem quero ver o dólar turismo! Tenho alguns amigos que neste momento estão lá e uns que estão indo nas próximas semanas, só vejo reclamações, realmente não está fácil.

Meus primeiros momentos

Como estava de férias da empresa e fui fazer o curso, tinha que manter um controle, não podia ficar zanzando pela cidade turistando, mas também não podia ficar trancado no quarto só estudando, precisava equilibrar essas situações porém pesando mais para o lado dos estudos, eu precisava a qualquer custo voltar com o inglês evoluido.

Com toda certeza cheguei sem entender muita coisa, mas logo nos 3, 4 primeiros dias já estava me virando bem e saindo sozinho para tudo que era canto. No meu primeiro post até falo da necessidade de comprar um computador para me comunicar com a família, tive que me virar bem nos primeiros dias.

Registros visuais

Train Station

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Olhando o mapa do estado da Califónia, acredito que esse trem cruza uma boa parte dela. Tenho mais registros do trem porque fiquei maravilhado pela estrutura e como funcionava a ferrovia, não sei explicar direito, só pegando o trem para entender mesmo, muito legal!

No primeiro dia que fui comprar o ticket do trem, havia uma máquina que vendia e não tinha pessoas para eu tirar dúvidas de como comprar ao certo, o valor não é fixo e varia de qual área você vai transitar.

Fui com a maior calma e comprei apenas 6 tickets (6 dólares cada), é caro mas achei que valeu pela estrutura do trem, ainda mais quando eu estava de bicicleta… Mas para frente falo mais.

Assim que comprei os 6 tickets e a máquina cuspiu os papéis, descobri que eram válidos apenas para aquele dia, e não podia usar nos outro dias. #fail

Depois consegui me alinhar melhor e acabei comprando um cartão ao estilo Bilhete Único, na qual eu conseguia carregar pela internet e acessar o saldo, o valor da compra ficava mais barato do que comprando direto da máquina.

#hyperlapse

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

#hyperlapse

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Abaixo a imagem da rua onde fiquei hospedado, é uma rua sem saída, mas perceba o quão largo é, não vi uma rua que era menor que essa, incrível a sensação de gigantismo nos EUA, pelo menos ondei fiquei e passei.

Dia perfeito para dar umas voltas de bike

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Menlo Park é a cidade da escola e muito perto da estação de trem, talvez umas duas quadras. A cidade é bem tranquila como Mountain View, já Palo Alto é bem movimentada acredito eu pelo motivo de Stanford ser do lado da avenida principal.

Agora San Francisco é gigante e tem muita gente, acho que tem mais mendigo que o centro de São Paulo, vi muito turista também, gostei demais da cidade, não consegui aproveitar muito já que visitei apenas algumas vezes, quando você for pra lá, recomendo separar um bom tempo para usufruir ao máximo.

Chegou o grande dia! #vamosQvamos

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Mais de meia hora esperando e acho que sou o único que irei para Mountain View

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Acho que esse foi um dos meus primeiros almoços, era o mais próximo que cheguei de um arroz com feijão, para quem não sabe burrito vem com muita coisa dentro dependendo onde você está comendo, neste restaurande mexicano o burrito era enorme e segurava a fome o dia inteiro, quase nem javantava! O feijão de dentro era uma delícia.

5 dólares tudo isso! Tu acredita? #burritoFajita

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Para tentar conhecer mais lugares e pessoas, fiquei acessando muito o site meetups.com e o site de Stanford que é localizado em Palo Alto, entre Mountain View e Menlo Park.

Acabei encontrando uma feira de tecnologia gratuita no site da universidade. No video abaixo estou testando uma protótipo bem bacana, que o dono disse não utiliza motor, sim, eu acreditei! Ainda quero muito um desse.

Radicalizando em Stanford

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Future

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Neste dia ainda não tinha comprado bicicleta, e foi o primeiro e único dia que choveu (é raro chover na Califónia), então recorri para o UBER que por sinal é bem barato, lá tem várias opções de carro preto, carro menor, SUV…

As ruas por lá eram bem vazias pelas manhãs, havia mais carros que pessoas porém nos coffee’s da vida, sempre tinha uma lotação de pessoas, abaixo tirei essa foto umas 7 da manhã e sempre tinham longas filas, o café e chocolates não vinham quentes, vinham fervendo, levei um longo tempo para conseguir tomar todo meu café, acho que eles fazem isso já que pelas manhãs o tempo é muito frio apesar que por volta do horário do almoço o tempo esquenta muito, tinha dias que atingiu 30 graus.

Por volta das 7 da manhã as ruas não tem uma alma viva, apenas carros! Mas nas Starbucks.

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Reparei que as mulheres por lá praticavam muito esporte, acho que até mais que os homens, nesse video abaixo tinha um grupo de apenas meninas jogando baseball. Vi muita mulher jogando tennis, praticando corrida, andando de bicicleta, acho isso muito legal já que as mulheres não tem muito incentivo ao esporte, pelo menos aqui no Brasil.

Fiz algumas amizades lá na escola e alguns japoneses e chineses gostavam muito de basquete, então abaixo um pequeno trecho da gente jogando.

Playing with my new friends! #china #japan

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Viciei nesse restaurante vietinamita, apesar deles não terem feijão o tempero era o mais próximo da comida brasileira.

E agora?

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Neste dia já tinha comprado a bicicleta (sim é ela no video) e estava indo de trem para San Francisco, esse trem é muito confortável e bem estruturado apesar de ser antigo.

A bicicleta eu comprei na segunda semana, quando percebi que a cidade é feita para quem anda de carro e bicicleta, dá sim para andar a pé, mas como a cidade é espaçada você irá levar muito mais tempo para fazer algo do que estivesse com algum meio de transporte.

Fui no Walmart, gigantesco por sinal, e paguei uns $60 dólares, saí de lá pedalando. Aqui no Brasil a bicicleta mais parecida está em torno de 500 e 600 reais ¬¬.

No último dia da viagem vendi a bicicleta para um programador que conheci por $50 dólares, ótimo não?

Partiu San Francisco 🌅☕️🚲🎫🚊🎧💺🚃📷🌉🇺🇸💸

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Alguns registros já em San Francisco.

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Quase morrendo mas quase lá!

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Downhill

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Quem sem lembra do driver? Ps1!

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Esse trem é um expresso, ele para a cada 3 estações e vai igual uma bala.

Ó u bicho vindo véi

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Aqui uns registros de Alcatraz, um dos melhores lugares que tive o prazer de conhecer, com certeza se eu tiver outra oportunidade irei novamente, foi o dia que mais ouvi pessoas falando português, tem muitos turistas mas dá para aproveitar tranquilo.

Quase

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Bota do Woody

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Alguns mais durões tricotavam para passar o tempo! #tambemSei

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A foto que mais curtir! Essa parte foi sinistra, a parte do hospital da prisão.

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Para fugir eles colocaram cabeças falsas feitas por eles mesmos!

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Essa Starbucks faz parte do compus do Google, e sempre fiquei pasmo por ver grandes estruturas sem muitas pessoas.

Estou falando que é muito tranquilo aqui

A video posted by Igor APA (@igorapa) on

Não gosto muito de ficar tirando fotos de prédios, mas fiquei surpreso por ver um de banco de dados, não sabia que o MongoDB já está com grande importância desta forma.

Sabiam que MongoDB tem um prédio só para ele? #EuNaoSabia

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Aqui um pequeno registro do meu último dia de aula, aproveitei o máximo que pude, aprendi bastante, e fiz alguns amigos. Acho legal essa foto por ter várias culturas diferentes no mesmo local, é legal escutar a história de cada um e entender que o mundo que tem dentro das nossas cabeças é bem menor do que imaginamos, existe zilhões de comportamentos e atitudes, enfim é uma conversa que pode ir longe.

Esse Japa foi um grande amigo por lá e até hoje trocamos ideias, ele me ajudou muito nos primeiros dias que estava perdido no inglês, e me ensinou algumas coisas de sua cultura. Apesar que consegui juntar ele com uma Koreana, acho que ele me deve mais ¬¬ rsss.

Convidei muita gente para uma breja do meu último dia, mas voltando ao papo de cultura, muitos não foram por não envolver família, ser um local focado para a bebida, e nem o Japonês estava querendo ir por causa disso, mas os que foram mais presentes no meu dia-a-dia compareceram, Claudia (Itália), Hellen (Kóreia do Sul) e Shoyo (Japão), sim, zuei ele pelo nome!

Naquele mesmo dia do Pub, fui em um grupo de Zouk (tipo de dança para quem não sabe e sim, danço vários estilos desde moleque), fui me despedir desse casal, Susan (Colombia) e Nicolas (França), pessoas incríveis que conheci na qual fui muito bem tratado. Foram bons momentos.

Voltando tive que voar de San Francisco para Los Angeles, porém de Los Angeles para São Paulo, meu voo das 18h de sábado tinha sido cancelado, e a American Airlines pagou hotel e refeição para passar a noite e pegar no dia seguinte às 7 da manhã o voo seguinte.

Como não sou de acordar fácil, acabei nem dormindo e fiquei assistindo filme para me manter acordado, até passei uma hora na banheira para não dormir com medo de perder o voo. E como estava já 24 horas acordado, não tirei mais fotos pelo mau humor e assim que entrei no avião, antes mesmo de decolar, capotei e acordei 3 horas depois.

Sinistro! #LA

A photo posted by Igor APA (@igorapa) on

Pontos finais

Não sou de tirar muita foto, mas tem algumas a mais no meu Instagram caso tenha interesse.

Tenho fotos que nem postei também mas acho que essas já deram uma visão do que passei por lá, cheguei a ir em uns 3 meetups, um de JavaScript, outro do Apple Watch e um de empreendedorismo no Linkedin, não sei o motivo mas não tenho fotos desses encontros.

Também preciso mencionar que conheci um grupo pequeno de programadores e empreendedores, são grandes pessoas que estão estudando pesado e aprendendo com os melhores do Vale do Sílicio.

Tenho muita história para contar, mas não gosto de post grandes, um dia se você me encontrar em algum lugar e se tivermos tempo, terei o prazer em contar algumas dessas histórias.

Mais uma vez muito obrigado pelos feedbacks e garanto que estou empenhado com os estudos e só irei maneirar quando estiver muito fluído.

See you soon.